Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
Old Brek

Corona / Covid-19 - A pandemia de 2020

Recommended Posts

6 horas atrás, Ursozord disse:

Uma coisa que gostei muito do Corona é a facilidade de achar álcool nos locais para lavar as mãos e as pessoas evitando apertar as mãos, digo, sempre gostei de álcool para as mãos e nunca gostei de apertar mãos por dois motivos, se percebe a falta de interesse em você pela qualidade do aperto de mão (que já da para se perceber pela postura) + em inúmeros casos em banheiros masculinos se nota a total falta de lavar as mãos, então como é algo tão gritante, para desconhecidos ou quem tenho pouco contato, prefiro só um oi com a palma do que apertar a mão de alguém que ainda ta com merda. - literalmente.

Justo que aprendi com o manual do Prey Cartola como apertar a mão, agora não pode ! hahaha,  eu levei a serio a dica e não sei dizer se gerou resultados.

Mas não gosto de usar alcool gel, as mãos ficam grudentas prefiro lavar as mãos, mas fora de casa ter a melequinha ajuda, mas não estou saindo de casa muito então o uso é inexistente.

Como na outra crise de Sars dois anos depois nenhum predio tinha o acool pra usar, so tinha aqueles dispensadores mas 99% estavam vazios, vamos ver se isso vai se tornar normal, chuto que cortam a geleca dentro de um ano ou menos

  • Like 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 13/11/2020 at 17:43, Old Brek disse:

Na eleição não tem vírus. Nem os vírus aguentam os candidatos.

Mas na prática o vírus na maior parte do país já mata menos do que as outras doenças respiratórias, logo pouca gente ainda se preocupa com isso. Pessoal na rua não está nem aí mais para isso. Vejo muita aglomeração há tempos aqui, mas felizmente realmente não teve nenhuma subida de casos ou morte na minha cidade. Aqui já esqueceram o covid e só usam máscara por ser exigência da lei nos comércios (mas na rua quase não usam 

Assisti a um vídeo sobre os registros em cartório da mortalidade no Brasil desde 2015...no ano em que morreram mais pessoas a diferença era de 13% do ano anterior

Me surpreendi ao ver que mesmo em pandemia o percentual de mortes no país segue uma linha crescente natural sem grandes alterações para justificarem esse isolamento....e mesmo colocando os 13% que foi o maior aumento ainda faltam mais de 250.000 mil pessoas morrerem até 31 de Dezembro.

Conspiração?Fato ou Fake?

O que será que está acontecendo?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mais de 1 milhão de pessoas já foram vacinadas na China

Quase um milhão de pessoas foram vacinadas com uma das vacinas chinesas candidatas contra o coronavírus e, até agora, não tiveram “efeitos adversos significativos”,  disse Liu Jingzhen, presidente da farmacêutica estatal Sinopharm.

Liu disse em uma entrevista que ecoou nas redes sociais da empresa que "a vacina foi testada em quase um milhão de pessoas" e que "apenas um pequeno grupo (deles) teve efeitos adversos leves".

Ele acrescentou que "diplomatas e estudantes que viajaram para mais de 150 países não apresentaram teste positivo para covid-19 após serem vacinados".

Em 22 de julho, a China autorizou o uso de vacinas candidatas contra o coronavírus para certos casos excepcionais, como "proteção de pessoal de saúde, funcionários de programas de prevenção, inspetores portuários e funcionários do serviço público".

 

***

 

7 horas atrás, Maressa Kristorm disse:

Assisti a um vídeo sobre os registros em cartório da mortalidade no Brasil desde 2015...no ano em que morreram mais pessoas a diferença era de 13% do ano anterior

Me surpreendi ao ver que mesmo em pandemia o percentual de mortes no país segue uma linha crescente natural sem grandes alterações para justificarem esse isolamento....e mesmo colocando os 13% que foi o maior aumento ainda faltam mais de 250.000 mil pessoas morrerem até 31 de Dezembro.

Conspiração?Fato ou Fake?

O que será que está acontecendo?

Realmente ano a ano sempre morre mais pessoas até por conta do crescimento da população. E as mortes até agora de 2019 em comparação aos anos anteriores está dentro do padrão no Brasil.

Infelizmente a mídia como um todo ajudou a causar um pânico desnecessário e já estão estudando no mundo sobre os efeitos da pandemia e do que cada país fez para ver quem acertou ou errou mais. Se o lockdown era mesmo necessário, etc... Tem país que não fez e país que fez bastante, sendo que alguns que fizeram com força tiveram pior resultado do que quem não fez isolamento. Complicado de analisar, provavelmente só teremos mais respostas desses estudos no próximo ano.

Não é conspiração porque o vírus existe, mas realmente não era para tanto. A maioria dos países tiveram uma resposta grande demais para um vírus de baixa letalidade por confundir quem morre de covid com quem morre com covid. Tem uma diferença sutil. 

No Brasil mesmo morreram muito mais pessoas de outras doenças respiratórias este ano do que com covid. E nem por isso alguém pensou em parar o mundo por conta de algo que matou mais que covid. No fim foi falta de conhecimento e pânico mesmo. O ser humano pelo visto não está pronto para enfrentar um problema novo com eficiência.

  • Like 1
  • Thanks 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
10 horas atrás, Old Brek disse:

Mais de 1 milhão de pessoas já foram vacinadas na China

Quase um milhão de pessoas foram vacinadas com uma das vacinas chinesas candidatas contra o coronavírus e, até agora, não tiveram “efeitos adversos significativos”,  disse Liu Jingzhen, presidente da farmacêutica estatal Sinopharm.

Liu disse em uma entrevista que ecoou nas redes sociais da empresa que "a vacina foi testada em quase um milhão de pessoas" e que "apenas um pequeno grupo (deles) teve efeitos adversos leves".

Ele acrescentou que "diplomatas e estudantes que viajaram para mais de 150 países não apresentaram teste positivo para covid-19 após serem vacinados".

Em 22 de julho, a China autorizou o uso de vacinas candidatas contra o coronavírus para certos casos excepcionais, como "proteção de pessoal de saúde, funcionários de programas de prevenção, inspetores portuários e funcionários do serviço público".

 

***

 

Realmente ano a ano sempre morre mais pessoas até por conta do crescimento da população. E as mortes até agora de 2019 em comparação aos anos anteriores está dentro do padrão no Brasil.

Infelizmente a mídia como um todo ajudou a causar um pânico desnecessário e já estão estudando no mundo sobre os efeitos da pandemia e do que cada país fez para ver quem acertou ou errou mais. Se o lockdown era mesmo necessário, etc... Tem país que não fez e país que fez bastante, sendo que alguns que fizeram com força tiveram pior resultado do que quem não fez isolamento. Complicado de analisar, provavelmente só teremos mais respostas desses estudos no próximo ano.

Não é conspiração porque o vírus existe, mas realmente não era para tanto. A maioria dos países tiveram uma resposta grande demais para um vírus de baixa letalidade por confundir quem morre de covid com quem morre com covid. Tem uma diferença sutil. 

No Brasil mesmo morreram muito mais pessoas de outras doenças respiratórias este ano do que com covid. E nem por isso alguém pensou em parar o mundo por conta de algo que matou mais que covid. No fim foi falta de conhecimento e pânico mesmo. O ser humano pelo visto não está pronto para enfrentar um problema novo com eficiência.

O medo é um vírus que faz o povo se portar como criancas indefesas diante das decisões tomadas pelos governantes...

Realmente só saberemos daqui a alguns anos...mas começam a surgir algumas pontas do Rio da meada.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Em 19/11/2020 at 00:47, Maressa Kristorm disse:

Assisti a um vídeo sobre os registros em cartório da mortalidade no Brasil desde 2015...no ano em que morreram mais pessoas a diferença era de 13% do ano anterior

Me surpreendi ao ver que mesmo em pandemia o percentual de mortes no país segue uma linha crescente natural sem grandes alterações para justificarem esse isolamento....e mesmo colocando os 13% que foi o maior aumento ainda faltam mais de 250.000 mil pessoas morrerem até 31 de Dezembro.

Conspiração?Fato ou Fake?

O que será que está acontecendo?

Já pensou que é por causa do isolamento que o numero de mortes está baixo?

E 168.141 mortes não é um numero baixo se levarmos em conta que a população brasileira é 209,5 milhões. Sim na estatística é baixo, mas o dano disruptivo no sistema produtivo do Brasil é outro fator a ser considerado, perdemos muitas vagas especializadas que custam muito tempo e dinheiro para ser substituídos, Perdemos mais ou menos 1 mil profissionais de saúde mortos pelo Covid, estaticamente é um numero desprezível, mas para formar um medico leva 6 anos, e muitos eram especialistas nas suas areas de atuação (10+ anos de formação), além de deixar família sem sustento.

Sim Corona é um vírus de baixa letalidade,(0,6% de morbidade) mas em grandes números é um numero significante, um exemplo chulo: o revolver de roleta russa é apenas 16% de morte (1 em 6), mas mesmo com chances grandes de sobrevivência 83% de vida (cinco em seis) pessoas morrem.

Usando uma conta de padeiro, temos 2 10 milhões de pessoas, se 0,6% das pessoas morressem seriam 1.260.000, imagina o caos em hospitais e santas casas se ninguém respeitasse as medidas de distanciamento e mascaras. Tá certo que não se conta mortos assim estatisticamente, mas é só um exemplo de como um pequeno numero é um problema.

Não tem conspiração nenhuma, só um bando de idiotas que estão em pânico por causa de uma pandemia viral,  estamos aprendendo do pior método possível, uma parte enorme da população que não possuem senso critico ou muito menos um conhecimento científico básico e muitos estão usando a pandemia para atacar oponentes políticos/satisfazer sua própria agenda. A questão é mais política que um problema sanitário.

O custo dessa pandemia ainda está para ser contabilizado, e digo que pagamos um preço muito alto por negligencia, ignorancia e politicagem.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
7 horas atrás, Paladino disse:

Já pensou que é por causa do isolamento que o numero de mortes está baixo?

E 168.141 mortes não é um numero baixo se levarmos em conta que a população brasileira é 209,5 milhões. Sim na estatística é baixo, mas o dano disruptivo no sistema produtivo do Brasil é outro fator a ser considerado, perdemos muitas vagas especializadas que custam muito tempo e dinheiro para ser substituídos, Perdemos mais ou menos 1 mil profissionais de saúde mortos pelo Covid, estaticamente é um numero desprezível, mas para formar um medico leva 6 anos, e muitos eram especialistas nas suas areas de atuação (10+ anos de formação), além de deixar família sem sustento.

Sim Corona é um vírus de baixa letalidade,(0,6% de morbidade) mas em grandes números é um numero significante, um exemplo chulo: o revolver de roleta russa é apenas 16% de morte (1 em 6), mas mesmo com chances grandes de sobrevivência 83% de vida (cinco em seis) pessoas morrem.

Usando uma conta de padeiro, temos 2 10 milhões de pessoas, se 0,6% das pessoas morressem seriam 1.260.000, imagina o caos em hospitais e santas casas se ninguém respeitasse as medidas de distanciamento e mascaras. Tá certo que não se conta mortos assim estatisticamente, mas é só um exemplo de como um pequeno numero é um problema.

Não tem conspiração nenhuma, só um bando de idiotas que estão em pânico por causa de uma pandemia viral,  estamos aprendendo do pior método possível, uma parte enorme da população que não possuem senso critico ou muito menos um conhecimento científico básico e muitos estão usando a pandemia para atacar oponentes políticos/satisfazer sua própria agenda. A questão é mais política que um problema sanitário.

O custo dessa pandemia ainda está para ser contabilizado, e digo que pagamos um preço muito alto por negligencia, ignorancia e politicagem.

Cada morte conta muito, claro, mas do ponto de vista estatística perdemos cerca de 170 mil pessoas para o covid-19 no Brasil, mas já perdemos mais de 750 mil pessoas para outras doenças respiratórias no mesmo período e ninguém se importa com isso pelo visto. O pânico do covid foi justamente por previsões apocalípticas. Só em São Paulo era estimado a morte de 2 milhões de pessoas no início do ano e nem no mundo inteiro com quase 8 bilhões de pessoas houve 2 milhões de mortes.

O problema foram as previsões e por elas foram adotadas as medidas, mas no fim não havia lógica. Pois as previsões foram baseadas (com exageros ainda) como se fosse um vírus da gripe, ao invés de um coronavírus (família de vírus que já conhecemos).

Deu no que deu. O que resta agora serão os estudos sobre o que ocorreu. No fim não duvido que fique provado que o lockdown não era necessário e que bastava medidas de higiene. Afinal, alguns países não tiveram nenhum lockdown ou isolamento total e nem por isso a quantidade de mortos por lá foi tão diferente percentualmente de outros países que fizeram medidas mais restritivas. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
5 horas atrás, Old Brek disse:

Cada morte conta muito, claro, mas do ponto de vista estatística perdemos cerca de 170 mil pessoas para o covid-19 no Brasil, mas já perdemos mais de 750 mil pessoas para outras doenças respiratórias no mesmo período e ninguém se importa com isso pelo visto. O pânico do covid foi justamente por previsões apocalípticas. Só em São Paulo era estimado a morte de 2 milhões de pessoas no início do ano e nem no mundo inteiro com quase 8 bilhões de pessoas houve 2 milhões de mortes.

O problema foram as previsões e por elas foram adotadas as medidas, mas no fim não havia lógica. Pois as previsões foram baseadas (com exageros ainda) como se fosse um vírus da gripe, ao invés de um coronavírus (família de vírus que já conhecemos).

Deu no que deu. O que resta agora serão os estudos sobre o que ocorreu. No fim não duvido que fique provado que o lockdown não era necessário e que bastava medidas de higiene. Afinal, alguns países não tiveram nenhum lockdown ou isolamento total e nem por isso a quantidade de mortos por lá foi tão diferente percentualmente de outros países que fizeram medidas mais restritivas. 

Obrigada!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
11 horas atrás, Old Brek disse:

Cada morte conta muito, claro, mas do ponto de vista estatística perdemos cerca de 170 mil pessoas para o covid-19 no Brasil, mas já perdemos mais de 750 mil pessoas para outras doenças respiratórias no mesmo período e ninguém se importa com isso pelo visto. O pânico do covid foi justamente por previsões apocalípticas. Só em São Paulo era estimado a morte de 2 milhões de pessoas no início do ano e nem no mundo inteiro com quase 8 bilhões de pessoas houve 2 milhões de mortes.

O problema foram as previsões e por elas foram adotadas as medidas, mas no fim não havia lógica. Pois as previsões foram baseadas (com exageros ainda) como se fosse um vírus da gripe, ao invés de um coronavírus (família de vírus que já conhecemos).

Deu no que deu. O que resta agora serão os estudos sobre o que ocorreu. No fim não duvido que fique provado que o lockdown não era necessário e que bastava medidas de higiene. Afinal, alguns países não tiveram nenhum lockdown ou isolamento total e nem por isso a quantidade de mortos por lá foi tão diferente percentualmente de outros países que fizeram medidas mais restritivas. 

Não faço ideia o que aconteceria se o lockdown não fosse feito, é um remédio amargo pra tomar mas permitiu os hospitais não entrarem em colapso, é ruim pra todo mundo, porem gerou o resultado esperado: achatou a curva de infecção.

Porem o governo não esta ajudando a população nessa hora sombria, ao invés de criar linhas de credito a custo zero para o pequeno e médio empreendedor a não despedir os funcionários ou quebrar, estão usando a ajuda como palanque político.

Realmente uma tragédia, tanta gente morrer por doenças que podem ser combatidas, a maioria das doenças respiratórias podem ser evitadas com vacinação do grupos de risco, existe vacina para Pneumonia, Tuberculose e Gripe e é oferecida nos postos de saúde, mas cada ano que passa a nossa imunidade de grupo esta sendo fragilizada pois pais não vacinam seus filhos. Essas 750 mil mortes poderiam ser facilmente evitadas. Por favor vacinem seus filhos e vocês!

Além disso temos o sucateamento das Santa Casas, o governo esta deliberadamente falindo as Santas Casas, digo isso de experiência própria, é uma uma visão muito de curto prazo olhando pra o próprio umbigo, precisamos de melhores representantes.

Mas a virulência dessa doença é o fator perigoso, devido a alta mobilidade que temos uma pessoa infectada pode fazer muito estrago, ate parece que alguém esta jogando Plague Inc, porque esta usando a mesma estrategia que eu faço com o vírus, baixa letalidade, alta virulencia e rápido contagio. Só espero que não inicie as mutações.

O fator mais critico é o diagnostico, se for pego em estágios iniciais tem uma enorme chance de salvar o paciente, meu chefe só esta vivo porque fizeram um teste rápido na empresa, o que levou a uma rápida recuperação.  Os kits detecção, só foram vir quando as mortes chegaram em níveis extremamente altos, precisamos de criar protocolos melhores para detecção de grandes multidões.

Sobre o pânico, vou dizer que as todas as mídias estavam travando uma batalha política e não sanitaria, fazendo suas agendas ao jogar a culpa no seus adversários políticos, é um gostinho de como vai ser as próximas eleições. Fake news é um poderosa ferramenta política, aparentemente todos os lados agora estão usando essa arma imoral.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×
×
  • Criar Novo...